Notícias

07/05/2019 13:41:03 -
ÁGUA
Presidente da Faeal defende gestão do Estado no Canal do Sertão

O debate sobre a gestão do Canal do Sertão, a maior obra hídrica de Alagoas, que ocorreu em uma audiência pública realizada nesta segunda-feira, 06, na Assembleia Legislativa de Alagoas, contou com a presença do presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Alagoas (Faeal), Álvaro Almeida.
Na oportunidade, o líder do setor agropecuário alagoano, destacou o engajamento dos parlamentares e das entidades ligadas ao setor no intuito de buscar saídas para o devido funcionamento do canal.
“O Canal do Sertão é importante para toda Alagoas. É uma obra fabulosa e a maior dos últimos 100 anos edificada no Estado. A conclusão desse projeto será um divisor de águas, teremos um cenário antes e pós Canal do Sertão”, afirmou Almeida.
Para o presidente da Faeal, a audiência foi uma provocação para que a obra, mesmo sem ainda ter sido concluída, passe a ter uma gestão. “Com isso, a água, que já é disponibilizada, poderá ser utilizada dento de um direcionamento de legalidade. Não podemos permitir que uma obra seja tratada de forma amadora”, destacou.
Segundo Almeida, já nas eleições passadas, um documento foi entregue aos candidatos ao governo com as demandas do setor agropecuário. “E uma das demandas era justamente essa. Pedimos que o Canal do Sertão passasse a funcionar nas áreas onde ele já tem água, mas com direcionamento e tendo uma gestão dentro da normalidade. Não tratamos de pequenos, médios ou grandes. Tratamos aqui de produtores e da sociedade como um todo. Esse canal não pode continuar seguindo sem uma gestão comandada pelo Governo do Estado e que ela possa contar com a participação dos produtores e trabalhadores rurais para que possamos colaborar na fiscalização e utilização da água”, finalizou.